Programa de Educação Popular em Saúde: Envelhecimento Saudável para idosos moradores em comunidades.
(Aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Estadual de Campinas, sob o parecer CEP nº 449/2009)

Proponente e Executora: Wanda Patrocinio

Objetivos:
- Implementar um programa multidisciplinar de educação para um envelhecimento saudável em duas comunidades na cidade de Campinas, com base na educação dialógica e popular;
- Possibilitar o uso dos conhecimentos adquiridos, habilidades e potenciais das comunidades de forma sustentável e resiliente, auxiliando na melhora da qualidade de vida dos idosos, beneficiando diretamente aproximadamente 30 pessoas e indiretamente uma média de 150 pessoas.

Eventos: Encontros semanais de 2 horas e trinta minutos para discussão de temas de interesse dos participantes e vivências práticas de autocuidado.
Memória, distúrbios do sono, atividade física, alimentação saudável, saúde bucal, emoções e sentimentos na velhice, uso de medicamentos, instruções sobre saúde, imagem positiva do envelhecimento, violência e maus tratos a idosos e atividades terapêuticas (lian gong, consciência corporal, massagem, argila terapêutica).

Local e período de realização: O trabalho foi realizado em duas comunidades, no salão social da Paróquia São João Batista, vinculada à comunidade Orosimbo Maia; e em uma sala de aula da Igreja Cristo Redentor, vinculada à comunidade Parque da Figueira, município de Campinas, SP, no período de agosto a dezembro de 2009.

Localidades abrangidas: Campinas, região Sul, bairros Orosimbo Maia, Jd. Carlos Lourenço, Jd. Itaiu, Jd Nova York, Parque da Figueira e Nova Europa.

Para que o projeto tenha continuidade nestas e em outras localidades, a GeroVida está em busca de financiamento para poder colocá-lo em prática e beneficiar idosos moradores de comunidades.

Interessados em apoiar esta iniciativa entrar em contato por email: gerovida@gerovida.com.br

GeroVida Todos os direitos reservados.2017 - Desenvolvimento - Dinamicsite®